Empreendedoras.net

Como iniciar um negócio de reciclagem de roupas


Como iniciar um negócio de reciclagem de roupas

Todos os anos, são produzidas bilhões de peças de vestuário em todo o mundo, das quais milhões acabam se tornando resíduos sólidos urbanos.

Os resíduos gerados pela indústria de vestuário atingiram níveis sem precedentes. Mais do que nunca, ficou claro que precisamos fazer algo para reduzir o impacto ambiental de diferentes indústrias têxteis.

À medida que os governos aumentam seus investimentos na indústria de reciclagem, há também uma maneira de ajudar a combater a poluição na indústria de vestuário como negócio, lucrando com isso.

Neste artigo, vamos ver como começar um negócio de reciclagem de roupas e ter sucesso com isso. Este negócio pode ser iniciado sem experiência prévia e será preciso muito pouco investimento para começar.

Tamanho do setor de reciclagem têxtil

Um estudo revelou que 82% do que consideramos como lixo têxtil, pode ser reciclado e revendido para as empresa e isso pode ser uma enorme cadeia de suprimentos para as marcas. Muitas grandes empresas estão investindo pesado em processos de reciclagem de resíduos têxteis hidrotérmicos e mecânicos que permitirão que a celulose dos têxteis seja eficientemente reciclada.

O que é um negócio de reciclagem têxtil?

Um negócio de reciclagem têxtil gira em torno do processo de reciclar materiais têxteis usados ou indesejados para que a matéria prima que os compõe possa ser recuperada novamente.

Você pode então vender esses materiais a fim de gerar uma renda, reabastecendo a indústria da moda no processo. Como tal, você tem todas as chances de transformar essa iniciativa ecológica em um modelo de negócio viável, desde que você saiba como começar.

A denominação “RESÍDUOS TÊXTEIS” deverá ser utilizada quando as matérias-primas forem de varreduras e demais desperdícios ou resíduos têxteis, de diferentes fibras têxteis ou filamentos têxteis ou ambos.

Diferentes tipos de resíduos têxteis

Os resíduos têxteis são de dois tipos, dependendo do local de origem: resíduos pós-consumo e resíduos pós-indústria. Os resíduos pós-consumo são aqueles que não são mais necessários e descartados dos domicílios. Os resíduos pós-indústria são aqueles que são gerados como subprodutos de indústrias de vestuário ou móveis domésticos. Eles são considerados a forma mais pura de resíduos, uma vez que estão sem contaminação.

A reciclagem de resíduos têxteis inclui:

  • Roupa
  • Calçado
  • Almofadas e Travesseiros
  • Sacos
  • Lençóis, edredons, cortinas, panos de mesa
  • Retalhos

Como posso montar um negócio de reciclagem têxtil?

Mas por onde você deve começar? Como em qualquer empreendimento, tirar sua ideia do papel e iniciar pode ser intimidador no começo. No entanto, se esta é uma área que você gosta de atuar, aqui estão algumas das perguntas que você precisa responder.

  1. Como conseguir roupas para reciclar? Quais são os seus fornecedores?
  2. Como encontrar clientes para comprar roupas recuperadas?
  3. Para quem você vai revender o material têxtil reciclado?
  4. Quanto eu posso investir nesse negócio?

Fornecedores de resíduos têxteis

Os fornecedores das roupas para reciclagem são as próprias confecções, indústrias têxteis e as diferentes cooperativas. Como você vai comprar materiais que geralmente são sobras ou com defeito de fabricação, precisa sempre olhar antes para ver a qualidade do material. A maioria dos tecidos tem potencial de negociação para reciclagem e, dependendo do fornecedor, você também pode tentar recuperar algumas peças para revenda.

Como encontrar fornecedores de resíduos têxteis

Se você está começando agora e ainda não possui uma lista de fornecedores de resíduos têxteis, pode procurar por serviços que conectam fornecedores com os clientes.

Ao encontrar uma plataforma de compra e venda de resíduos, você vai conseguir encontrar pessoas interessadas em fornecer roupas, tecidos e resíduos têxteis para reciclagem.

Um exemplo disso é o serviço www.b2blue.com que conecta compradores com revendedores. Depois de fazer o seu cadastro, você encontrará sobras de produtos, plástico, papelão e muitos tipos de tecidos para reciclagem.

Outra plataforma que transforma resíduos em oportunidades é a empresa www.brpolen.com.br. Compre e venda resíduos através da plataforma e negocie com empresas de todo o Brasil e também do exterior.

Para quem você vai revender o material reciclado?

Uma vez que as roupas coletadas foram convertidas de volta em matérias-primas como pano, fios ou lã, você precisa identificar um comprador. Já que você vai trabalhar com a indústria da moda, esta pode ser uma fábrica têxtil, varejistas de moda, alfaiates ou até mesmo lojas de artesanato. Basta lembrar de considerar como você vai cobrar por cada fardo e ter certeza de que ele é capaz de cobrir seus custos operacionais.

Muitas indústrias têxteis estão engajadas com a proteção do meio ambiente e você pode aproveitar isso para oferecer os seus serviços. Tudo o que você precisa fazer é entrar em contato com a indústria para verificar se existe esse interesse.

Como é feita a reciclagem de tecidos

Quer saber como a reciclagem de tecidos é feita? Existem duas formas principais de reciclar tecidos e o método utilizado pelas empresas recicladoras mudam de acordo com o material que será reciclado. As fibras naturais são trituradas em retalhos e as fibras sintéticas são recicladas através de um processo químico.

Triagem têxtil por fibra: fibra natural vs. sintética

Após a coleta e classificação, os têxteis são geralmente classificados para determinar o que pode ser revendido e o que deve ser reciclado. As roupas que não podem ser revendidas são classificadas por cor e material. No caso de materiais naturais, a peça é então triturada em fibras via máquina.

Dependendo do propósito pretendido, diferentes tipos de fios são misturados para criar uma fibra mais forte para reutilização. Ainda assim, a maioria das fibras naturais não é transformada em fios novamente, mas em vez disso transformada em recheio para móveis, isolamento para edifícios ou panos de limpeza.

No caso de tecidos à base de poliéster, as peças de vestuário são trituradas e, em seguida, granuladas para processamento. Estes são posteriormente derretidos e usados para criar novas fibras para uso em novos tecidos de poliéster.

O primeiro passo é a coleta dos materiais

Os resíduos têxteis descartados são coletados e depois são separados por tipo de material, qualidade e cor. Depois, são armazenados separadamente em uma certa quantidade para melhor organização do espaço.

O segundo passo é o corte

Após a coleta e separação das peças, todo o material que será reciclado é enviado para  a máquina picador, onde a partícula de malha será padronizada de acordo com a necessidade da indústria. Uma cortadeira de qualidade a uniformizar os retalhos, possui detectores de metais, separando os aviamentos, o que permite picotar peças inteiras de vestuário.

O terceiro passo é a desfibragem

Já com os resíduos padronizados, os materiais são colocados na máquina de desfibragem ou rasgadeira, equipamentos que funcionam como um triturador de roupas para transformar os tecidos em matéria prima, como, por exemplo algodão.

O quarto passo é a enfardamento

Quando a máquina rasgadeira termina de processar o material, a matéria prima e acondicionado em fardos que são transportado ao depósito.

O quinto passo é a comercialização do material

Com o material pronto e separado, os retalhos são revendidos a outras empresas, que vai reaproveitar o material de acordo com as suas próprias necessidades.

Principais compradores

O maior comprador desses têxteis reciclados costuma ser o setor automobilístico. No Geralmente, esses materiais são utilizados para enchimentos de bancos de carro, para fazer almofadas, ursos de pelúcia, colchões e outros tipos de itens.

Que equipamento seu negócio de reciclagem têxtil requer?

Você também precisa pensar sobre quais equipamentos seu negócio de reciclagem têxtil requer para funcionar de forma eficiente sem precisar gastar muito. No entanto, isso também depende dos tipos de materiais que você conseguiu coletar.

Como tal, você precisará de equipamentos para classificar os têxteis de entrada antes de dispensar para uma máquina de reciclagem têxtil específica que irá triturar e separar o material em fibras.

Mas com materiais como poliéster, você precisará de outro tipo de máquina que irá granular o item em vez disso. Portanto, você provavelmente precisará ter acesso a várias máquinas de reciclagem para operar em larga escala.

Processo mecânico de reciclagem têxtil

Máquina de desfibragem

O processo de reciclagem têxtil utilizado em larga escala na indústria é a reciclagem mecânica, utilizando uma máquina de desfibragem. Nesse processo de produção são utilizados retalhos e sobras de tecidos de diferentes composições, a mistura de retalhos é definida de acordo com a capacidade da máquina utilizada e do produto final desejado.

Em qual área sua empresa vai atuar?

Você também precisa definir o seu ramo de atividade. Confecção têxtil ou comércio de plástico com a reciclagem de roupas de fibras sintéticas. Isso vai ajudar a definir o perfil da sua empresa. Você poderá se tornar um reciclador especializado em resíduos têxteis, intermediador, gerenciador ou destinador final.

Faça com que seu negócio seja encontrado

Como qualquer negócio, ganhar visibilidade é um processo muito importante. Você pode fazer tudo perfeitamente e não conseguir vender sem ter a visibilidade do público. Para começar, sua loja deve estar em um lugar bem denso. A maioria das pessoas entra em uma loja sem qualquer conhecimento prévio do negócio que opera lá.

Também se comunicar com amigos e familiares é uma ótima ideia para começar, a indicação ainda funciona muito bem. Finalmente, você precisa aproveitar as modernas ferramentas de comunicação para tornar seu negócio conhecido pelo público.

A coisa mais fundamental que você pode fazer é criar uma página no Facebook, Instagram, Pinterest e Twitter. As redes sociais recebem milhões de visitantes todos os dias, então você deve aproveitar isso ao máximo. Se você tiver como investir mais, faça promoções exclusivas para quem comprar através das redes sociais.

Você também pode criar uma loja online usando serviços pagos ou gratuitos. Existem muitos serviço de vendas de roupas usadas por ai, você também pode usar serviços conhecidos como o Shopify. Para o tamanho do seu negócio, um serviço gratuito será mais do que suficiente para começar.

Como você pretende financiar o desenvolvimento do seu negócio?

Naturalmente, conforme você cresce, a gestão de um negócio de reciclagem vai incorrer em uma variedade de despesas, como o custo de equipamentos, produtos, aluguel de local, transporte, energia e salários dos funcionários. Portanto, é essencial que você crie um plano financeiro eficaz que apoie suas necessidades de capital de inicialização e despesas de capital de giro.

Mas sendo uma start-up, você pode não se qualificar para financiamento de instituições financeiras tradicionais devido a possuir um histórico comercial limitado. No entanto, você pode obter o suporte necessário solicitando empréstimo para MEI ou para micro e pequenas empresas.

Exigências Legais e Específicas

Para dar início ao processo de abertura da empresa de reciclagem de roupas é necessário que se cumpra alguns procedimentos legais. Se você não sabe como fazer isso, precisa consultar alguém que saiba. Como ponto de partida, você pode acessar aqui o site do Sebrae que deixa diferentes informações de como montar uma empresa de reciclagem.

Começando pequeno

A maior parte da poluição na indústria de vestuário vem do descarte de roupas antigas. Antes de reciclá-las, você deve, portanto, determinar como você vai recolhê-las.

Retirar porta a porta: A maneira mais fácil de pegar sua peças de roupas é ir de porta em porta em seu bairro e pedir roupas velhas. A maioria das pessoas ficará feliz em entregar roupas velhas, pois considerarão uma boa causa. Para alguns itens vintage de marca, você poderá precisar pagar uma pequena quantia.

Colocação de lixeiras públicas: Você pode instalar lixeiras coloridas em locais muito densos, como perto de parques e ruas. Certifique-se de obter permissão do proprietário do estabelecimento antes de colocar a lixeira e tenha certeza de que elas são visíveis. Para aumentar a adesão do público, descreva seu propósito também.

Distribuição de folhetos: Você pode entrar em contato com pessoas fora de sua comunidade distribuindo folhetos para as pessoas. Os detalhes do seu negócio de reciclagem de roupas devem ser descritos nele e as pessoas interessadas entrarão em contato com você.

Transportar e gerenciar as roupas

Você precisa pensar com antecedência sobre as diferentes maneiras que você vai pegar suas roupas para reciclar. Você deve ter pelo menos um carro para ajudá-la a se mover de um ponto para outro, especialmente se você está fazendo coleta porta a porta. Se você colocou caixas públicas de coleta em diferentes estabelecimentos comerciais, você deve definir quanto tempo você vai esperar antes de checá-las e coletar os itens que eles contêm.

Isso não é tudo, você também precisa ter um lugar onde você vai gerenciar o seu negócio. Um armazém seria perfeito para este tipo de trabalho, mas se você quiser economizar dinheiro, você também pode fazer o trabalho em casa por enquanto.

O primeiro trabalho que terá que ser feito é separar os artigos, encontrar as peças de roupas que valem alguma coisa, aquelas que precisam ser recuperadas e as peças que devem ser jogadas fora.

Para aqueles que valem a pena manter, você pode precisar classificá-las pela cor de suas fibras ou matérias. Este trabalho pode ser tedioso se você tiver um monte de roupas para separar. Por essa razão, se o serviço for para mais de uma pessoa, considere contratar funcionários para ajudá-la no processo.

Vai custar algum dinheiro, pois você terá que pagar por eles, então primeiro certifique-se de que você será capaz de cobrir esse custo uma vez que suas roupas recicladas são vendidas. Se você não pode contratar alguém, pode querer ter uma sócia para o seu negócio de reciclagem de roupas.

Conserte as roupas que valem a pena

Neste momento, é hora de começar a consertar suas roupas. Em geral, cerca da metade das peças coletadas podem ser recuperadas e revendidas após melhorias muito pequenas.

O restante será transformado em trapos, lenços, panos de chão e itens que você escolher. O que sobrar, será considerado resíduo industrial, itens que não podem ser transformados serão triturados em pequenos pedaços menores e vendidos para uso em diferentes produtos, como colchões, travesseiros, novas roupas, isolantes e muito mais.

O primeiro passo será identificar os itens que podem ser recuperados e vendidos. Aproveite para analisá-los e identificar o que precisa ser consertado. Aqui estão os reparos que muitas vezes são realizados em roupas velhas:

Limpeza a seco e lavagem: este é o tratamento que será realizado em quase todas as roupas. Isso garantirá que suas roupas serão novas sem manchas sujas nelas.

Tingimento: é comum que roupas velhas percam suas cores originais. Tingi-las irá restaurá-las e torná-las como novas.

Costura: para roupas que possuem orifícios, elas podem ser facilmente restauradas costurando o local onde precisa de reparo.

Este processo não é particularmente difícil. Você pode fazer isso muito bem em casa com o equipamento certo. Se você não tiver o equipamento, você pode terceirizar os serviços.

Você não será capaz de restaurar todos os itens. Para itens que não podem ser restaurados, eles podem ser transformados em trapos e vendidos separadamente ou triturados e vendidos para indústrias locais. Um triturador de roupas e tecidos em geral pode ser caro, então tente encontrar uma empresa ou indústria que já faça isso para você em vez de comprar um equipamento, caso contrário você pode perder uma parte importante do seu faturamento mensal.

Venda suas roupas recicladas

Para vender suas mudas de roupas recuperadas, você precisará começar um negócio de roupas usadas ou iniciar um brechó. Isso pode inclui legalizar seu negócio e estabelecer uma estratégia sobre como vender seus produtos para o consumidor final. Enquanto você pode vender roupas a partir de casa, encontrar um local e iniciar uma loja física vai tornar o seu negócio mais profissional e potencialmente atrair mais clientes.

Sua coleções de roupas devem ser mais baratas do que novos produtos, caso contrário, vai contra o ponto de reciclar e revender suas roupas. Por essas razões, você deve manter seus custos de produção o mais baixos possível.

Muitas empresas falham porque não foram capazes de calcular efetivamente o dinheiro que entra e o dinheiro que é necessário para fazer o negócio funcionar. Portanto, certifique-se de que esta parte é bem gerenciada. Você não precisa pagar por isso, um controle de caixa será suficiente para começar.

Seu maior custo será o aluguel do seu espaço. Certifique-se de que você pode pagar por alguns meses antes de se comprometer com isso. Tente encontrar um lugar mais barato antes ou desista de ter um completamente.

Considerações

Precisa de ajuda para desenvolver do seu negócio de reciclagem têxtil? O desperdício de roupas é um tema quente e com milhares de toneladas de têxteis indo para o lixo a cada ano é fácil ver o porquê o negocio pode valer a pena. Então, se você está ansioso para fazer a diferença, ao mesmo tempo em que gera uma renda confiável, você pode estar pensando em abrir sua própria empresa de reciclagem têxtil.

No entanto, assim como qualquer empreendimento empresarial, é algo que precisa de uma consideração cuidadosa e uma avaliação realista dos desafios que você pode enfrentar.

Fontes: Reaproveitamento e Reciclagem Têxtil no Brasil: ações e prospecto de triagem de resíduos para pequenos geradores.